segunda-feira, 4 de maio de 2015

ACEITAÇÃO


Um das lições mais difíceis que precisamos aprender durante nossa vida é a aceitação.
O que quer que estejamos vivendo, por mais doloroso que seja, será mais facilmente suportado se conseguirmos aceitá-lo com todo o nosso coração.
Mas, chegar a este estágio, não é algo que aconteça repentinamente, ou sem alguma resistência de nossa parte. Ao contrário, quando um acontecimento nos causa grande sofrimento, tendemos a rejeitá-lo com todas as forças e a sermos invadidos pelos sentimentos de inconformismo e revolta.
Somente quando conseguimos alcançar um estado de consciência no qual percebemos de modo claro que todas as situações que vivenciamos são providenciadas pela existência, porque constituem lições essenciais ao nosso crescimento interior, é que o processo da aceitação começa a se tornar natural.
Até que isto aconteça, experimentamos inúmeras crises que, em sua maioria, tornam ainda mais duras as provas que temos de enfrentar.
A maturidade e a sabedoria trazem consigo o precioso dom da aceitação.
A partir do momento em que as desenvolvemos, a vida se torna um caminhar mais tranqüilo, onde vamos enxergando em cada fato uma lição a ser aprendida.
Quanto mais cedo chegarmos a este entendimento, maiores serão as chances de nos libertarmos da angustia e do inconformismo.
Qualquer situação em que você esteja, é uma situação dada por Deus - não a rejeite.. É uma oportunidade, uma ocasião para crescer. Se você escapa da oportunidade, você não crescerá.
As pessoas que vão para as cavernas do Himalaia e começam a viver lá, tornam-se muito ligados às cavernas, permanecem não crescidas. Eles permanecem infantis. Eles não se tornam experientes. Se você as trouxer ao mundo, elas vão ser destruídas, não serão capazes de suportar.
... Sim, é bom de vez em quando se mover para as montanhas, é bonito. Mas, tornar-se viciada, começar a pensar em renunciar ao mundo é totalmente errado - porque é nas tempestades do mundo que surge a integridade. É nos desafios do mundo que se cristalizam.
Lu-tsu disse: aceite a situação em que você está. Deve ser a situação ideal para você, por isso você está nela.
A existência cuida de você.
Ela é dada a você não sem uma razão.
Não é por acaso.
Nada é acidental.
Tudo o que você precisa é dado a você.
Se fosse a sua necessidade estar no Himalaia, você teria estado no Himalaia.
E quando surgir a necessidade, você vai achar que você quer ir para o Himalaia ou o Himalaia virá até você.
Acontece... quando o discípulo está pronto, o mestre chega.
E quando o seu silêncio interior está pronto, Deus chega.
E o que for necessário no caminho é sempre fornecido;
A existência cuida como mãe.
Então, não se preocupe.
Em vez disso, aproveite a oportunidade.
Este mundo de desafios - esta agitação constante no exterior - tem de ser usado. Você tem que ser uma testemunha disso, vê-lo. Aprenda a não ser por ele afetado. Aprenda a permanecer inalterado, tocado por ele - como uma folha de lótus na água.
E então você será grato, porque é só por estar alerta de todo o tumulto que um dia, de repente, "os deuses estão no vale." Você vê o desaparecimento do mercado, muito longe, tornando-se um eco. Esse crescimento é real.
E se você pode ser meditativo nas ocupações normais da vida, não há nada que não possa acontecer com você. A luz vai começar a circular, apenas seja vigilante.
Medite na parte da manhã e, em seguida, fique perto de seu centro.
Caminhe pelo mundo, mas mantenha-se perto do seu centro, vá lembrando-se de si mesmo.
Permaneça consciente do que você está fazendo...
E quando as coisas surgirem, aja, mas, não se identifique com a ação.
Continue a ser um espectador...
Faça o que for necessário, apenas como um reflexo.
Faça o que for necessário, mas não se torne um fazedor, não se envolva com o fazer.
Faça-o e finalize com ele, como um reflexo.
OSHO

quarta-feira, 8 de abril de 2015

DEPRESSÃO E A NECESSIDADE DE SER ESPECIAL


Sinto-me deprimido e auto-condenado, embora eu realmente não saiba porquê…
Essa é uma maneira de permanecer o mesmo...... Esse é um truque da mente. Ao invés de compreender, a energia começa a se mover para a condenação. Assim a mente é muito esperta: no momento em que você começa a ver algum fato, a mente salta sobre ele e começa a condená-lo. Agora toda a energia se torna condenação, então a compreensão é esquecida, posta de lado e sua energia está se movendo para a condenação... e condenar não pode ajudar.
Isso pode lhe deixar depressivo, pode lhe deixar zangado, mas depressivo e zangado, você nunca muda. Você permanece o mesmo e você se move para o mesmo círculo vicioso novamente e novamente.
Compreender é liberar, assim quando você vê um certo fato não há nenhuma necessidade de condenar, não há necessidade de se preocupar com isso.
A única necessidade é olhar para isso profundamente e compreendê-lo. Se digo alguma coisa e isso lhe magoa e esse é todo meu propósito: lhe magoar em algum lugar, desse modo, você tem que olhar no porquê isso magoa e aonde isso magoa e qual é o problema; você tem que ver isso. Olhando nisso, tentando se mover ao redor disso, olhando-o de todos os ângulos... Se você condenar, você não pode olhar, não pode abordá-lo de todos os ângulos. Você já decidiu que isso é ruim; sem dar a isso uma chance, você já julgou.
Escute o fato, penetre-o, contemple-o, durma sobre ele e quanto mais você for capaz de observá-lo, mais você se tornará capaz de sair fora dele. A habilidade de entender e a habilidade de sair fora disso, são apenas dois nomes para o mesmo fenômeno.
Se compreendo uma certa coisa, sou capaz de sair fora disso, indo além disso. Se não compreendo uma certa coisa, não posso sair fora disso. Então a mente prossegue fazendo isso com todos; não é somente com você. Imediatamente você salta e diz, “Isso está errado, isso não devia estar em mim. Eu não mereço, meu relacionamento está errado e isso está errado e aquilo está errado, e você se sente culpado. Agora toda a energia está se movendo para a culpa e meu trabalho aqui é tornar você tão inocente quanto possível.
Portanto o que quer que você veja, não tome isso de uma maneira pessoal. Isso não tem nada a ver particularmente com você; é apenas a maneira de como a mente funciona. Se houver ciúmes, se houver possessibilidade, se houver raiva, é assim que a mente funciona... a mente de todos mais ou menos; as diferenças são somente de graus.
A mente possui outro mecanismo: ou ela quer louvar ou ela quer condenar. Ela nunca está no meio. Através do louvor você se torna especial e o ego é realizado; através da condenação você também se torna especial. Olhe para o truque: de ambas as maneiras você se torna especial! Ela é especial: ou ela é uma santa, uma grande santa, ou ela é a maior pecadora, mas de todo jeito o ego é preenchido. Cada vez você diz uma coisa que você é especial. A mente não quer ouvir que ela é bem ordinária. O ciúme, essa raiva, esses problemas de relacionamento e de ser. Eles são ordinários, todos estão neles. Eles são tão comuns como o cabelo. Talvez alguém tenha um pouco mais, alguém tenha um pouco menos, alguém o tem preto e alguém o tem vermelho, mas isso não importa muito – eles são ordinários, todos os problemas são ordinários. Todos os pecados são ordinários e todas as virtudes são ordinárias, mas o ego quer se sentir especial. Ou ele diz que você é o maior ou que você é o pior.
Então apenas olhe… Todos esses problemas são ordinários. Quais problemas estão lá, diga-me? Quais problemas você sente? Basta nomeá-los.
Eu tenho uma dor aqui, na minha testa.
Está doendo porque você não está tentando entendê-la, então dói. Você a está condenando; você está dizendo (para si mesmo), você não devia estar deprimida. Isso não é você, isso não é bom para sua imagem, isso vai contra sua imagem, isso se torna uma mancha em você e você é uma garota tão bonita! Porque você está deprimida? Ao invés de compreender porque você está deprimida.
Depressão significa que de alguma maneira a raiva está em você num estado negativo:
a depressão é um estado negativo da raiva.
A própria palavra é significativa – ela diz que algo está sendo pressionado; esse é o significado de depressiva. Você está pressionando alguma coisa dentro e quando a raiva é pressionada demais ela se transforma em tristeza. Tristeza é uma maneira negativa de estar zangada, uma maneira feminina de ficar zangada.
Se você remove a pressão sobre ela, ela se transforma em raiva. Você devia estar zangada sobre certas coisas da sua infância, mas você não as expressou, daí a depressão. Tente entender isso! E o problema é que a depressão não pode ser solucionada, devido a que ela não é o problema real. O verdadeiro problema é a raiva; e você continua condenando a depressão, dessa forma você está lutando com sombras.
Primeiro olhe no porquê você está deprimida... Olhe bem nisso e você encontrará a raiva. Muita raiva está em você... Talvez com relação a sua mãe, com relação a seu pai, com relação ao mundo, com relação a si próprio, esse não é o ponto. Você está com muita raiva por dentro e desde sua infância você tem tentado ser sorridente, não ser zangada. Isso não é bom. Você foi ensinada e você aprendeu bem. Portanto na superfície você parece feliz, na superfície você continua sorrindo e todos esses sorrisos são falsos. Bem fundo você está retendo muita raiva.
Agora, você não pode expressá-la então você está sentada sobre ela; isso é o que a depressão é; assim você se sente deprimida.
Deixe isso fluir, deixe que a raiva venha. Uma vez que surge a raiva sua depressão irá embora. Você nunca observou isso? Que às vezes após uma raiva verdadeira a pessoa se sente tão bem, viva? Comece a fazer algo em casa. Hum? Faça uma meditação zangada todo dia... Vinte minutos serão suficientes. Após o terceiro dia você irá gostar tanto do exercício que será difícil para você esperar por isso. Isso lhe dará uma tal liberação e você verá que sua depressão está desaparecendo. Pela primeira vez você irá realmente sorrir... Porque com essa depressão você não pode sorrir, você finge.
A pessoa não pode viver sem sorrisos então a pessoa precisa fingir, mas um sorriso fingido machuca muito...
Não lhe torna feliz; simplesmente lhe relembra de como você é infeliz.
Mas você se tornou cônscia disso. Isso é bom. Quando alguma coisa machuca, isso ajuda. O homem é tão doente que quando quer que alguma coisa seja de ajuda, machuca, toca em algum ferimento em algum lugar. Mas isso tem sido bom...
Osho,

quarta-feira, 18 de março de 2015

NUNCA DESISTA



Nunca desista. Mas, às vezes, pare de insistir...

Os pensamentos são muitos e estão sempre em movimento. A vontade de desistir se apresenta sem muitas explicações. Ela simplesmente chega e se instala. Ainda bem que é possível se impor e dar continuidade. Pessoas persistentes não trabalham com a hipótese da desistência. Seguem adiante, independente do que possam enfrentar.

Se a decisão está tomada, é necessário equacionar o tempo. Porém, deixar de insistir pode ser uma atitude... razoável. Não são poucos os que aumentam a fila dos insistentes. A cada instante retomam o tema, sofrem, se desesperam. Cada coisa acontece no tempo certo.
Apressar alguns ciclos nem sempre dá bons resultados. A vida parece ter uma certa dinâmica, onde os fatos vão se sucedendo. O excesso de insistência pode ocasionar retrocesso. De fato, a insistência, em demasia, não faz bem.

Quando a paciência acompanha a jornada, o objetivo vai iluminando o caminho. Dar tempo ao tempo não é acomodação, mas atenção continuada. A pressa desconcentra e compromete os resultados.
O objetivo está delimitado. As energias são suficientes. Então, continuar avançando é motivo de alegria. A meta será alcançada. Não há necessidade de emocionalisar.

No tempo certo, tudo acontecerá. Um investimento no autocontrole ajudará para amenizar os impactos do cotidiano. Quando se para de insistir, a serenidade se instala e a paz ocupa seu devido lugar. Pessoas excessivamente insistentes acabam sozinhas.

O interessante é encaminhar e depois dar tempo ao tempo. Saber esperar é saber viver.
Menos velocidade no que se busca, pode aumentar a qualidade dos resultados

. Bênçãos! Paz e Bem! Santa Alegria! Abraços!

Frei Jaime Bettega

quinta-feira, 25 de setembro de 2014

O ESPETÁCULO DA VIDA



Que você seja um grande empreendedor. Quando empreender, não tenha medo de falhar. Quando falhar, não tenha receio de chorar. Quando chorar, repense a sua vida, mas não recue. Dê sempre uma nova chance para si mesmo.

...
Encontre um oásis em seu deserto. Os perdedores vêem os raios. Os vencedores vêem a chuva e a oportunidade de cultivar. Os perdedores paralisam-se diante das perdas e dos fracassos. Os vencedores começam tudo de novo.

Saiba que o maior carrasco do ser humano é ele mesmo. Não seja escravo dos seus pensamentos negativos. Liberte-se da pior prisão do mundo: o cárcere da emoção. O destino raramente é inevitável, mas sim uma escolha. Escolha ser um ser humano consciente, livre e inteligente.

Sua vida é mais importante do que todo o ouro do mundo. Mais bela que as estrelas: obra-prima do Autor da vida. Apesar dos seus defeitos, você não é um número na multidão. Ninguém é igual a você no palco da vida. Você é um ser humano insubstituível.

Jamais desista das pessoas que ama. Jamais desista de ser feliz. Lute sempre pelos seus sonhos. Seja profundamente apaixonado pela vida.
 Pois a vida é um espetáculo imperdível!

fonte: internet

quarta-feira, 30 de abril de 2014

SIGA EM FRENTE



Siga em frente,um passo de cada vez,pensamento positivo,confiante,esperançoso.
O caminho a seguir será determinado por você,a escolha é sua, portanto,busque estar conectado com boas energias,plasme o que você quer,para que tudo aconteça da melhor forma possível conforme seu merecimento.
Coloque uma pitada de amor e certeza em tudo.
Abra seu coração,abra sua mente,para que o universo possa estar a seu favor,e você possa realizar seus sonhos, atingir seus objetivos.
Não desperdice tempo,aproveite todos os momentos,todas as oportunidades,coloque em prática suas idéias,seus projetos.
Fique em sintonia com o bem, com a alegria.
Seja grato ao Criador pela oportunidade de estar vivo,de ter o dom da vida.
Cante,dance,seja acima de tudo alegre.
O resultado com certeza será positivo,gratificante e satisfatório.
Experimente,tente,aposte em você,você só tem a ganhar!
Aposte,siga sempre em frente, dê o primeiro passo!


por: Aurea Oliveira (Um Espirito em Evolução)


terça-feira, 29 de abril de 2014

ATÉ QUE A MORTE NOS SEPARE



O amor precisa de compreensão, um entendimento maior.

 Inicialmente, o amor que aprisiona, que toma posse e submete, não traduz a veracidade do sentimento.

 O amor liberta, permitindo ir, ao destino que é preciso alcançar.
 Não se tem divisão pelo amor, apenas soma-se.

 Amor sem admiração, é pena. Amor sem respeito, é rancor. Amor sem desejo, é comodismo.
 O amor levado pela mentira, é dissabor, uso inadequado da pessoa certa pelo motivo errado.

O amor, por si só, é indefinido. Ganha sentido quando qualificado pelas pessoas que o alcançam. É sublime, e está acima de tudo, não pelo o outro, mas porque dá razão para aquele o vive.

 Não tem idade, peso, situação financeira, nem condições para inclusão ou exclusão.

 O amor, simplesmente, é tudo que se busca, em cada fração de segundos, a cerca de sua identidade.

O amor é aquilo que se responde e, imediatamente, após, questiona-se, sem parar, pois é inesgotável.

O amor não interfere no sujeito do amor, apenas nas condições que o fazem crescer, igualmente, ao lado de quem é parceiro(a) desse afeto.

O amor é a direção que aponta para todas as demais demandas erguidas na vida.
 É o que dá consistência para o que se senti, indo-se além daquilo que se pensa que é, ou, do mero estado que se está. É a fonte de matéria viva para doar-se, entregar-se, e assim conseguir compartilhar e estar vivendo.

 Amar é não saber decifrar se significado, porém, tocá-lo n âmago da alma. É viver pelo outro, mas sem se anular, pois a fonte do amor encontra-se do indivíduo que oferta, e não no sujeito que recebe. É dar valor ao que se elabora, não manipulando esse sublime sentimento, como se nada o fosse.

E que a vida nos reencontre, sem que a matemos a cada dia e, com isso, a morte nos separe.

fonte:http://filosmitosritos.wordpress.com/2014/04/27/ate-que-a-morte-nos-separe/

O EGO E A IMPECABILIDADE



No fundo você sabe o que precisa mudar.
Só que seu ego vai fazer de tudo para evitar essa mudança.
Qualquer decisão ou atitude sua que ...vá contra essas mudanças, é uma tentativa do seu ego de te sabotar.
Ele vai tentar travestir sua autocomplacência e sua procrastinação com algo parecido com liberdade.
Ele vai querer te convencer que não é bem assim, que é melhor ser livre e aproveitar a vida, que todo esse papo de mudança é besteira, que você não precisa ser tão radical ou cobrar tanto de si mesmo.
Ele vai querer te convencer que todos somos humanos, e que não tem nada de mais ser do jeito que você é, com suas falhas e imperfeições.
Ele vai querer te convencer que você é imortal e tem todo o tempo do mundo para mudar, que nada é tão urgente.
Ele vai querer te convencer que é melhor ser "livre" e ser quem você é, afinal a vida é sua, e você tem que fazer o que te faz feliz.
Cabe a você deixar o ego falando falando sozinho, essa voz tagarela, agitada, imediatista e superficial, e ouvir sua voz interior, aquela que é calma, profunda, verdadeira e sábia.
O ego nos faz confundir fraqueza interior com liberdade.
Para um guerreiro, a maior liberdade é a de ser impecável.


por: Juan Tuma

A ALEGRIA



Coloque uma pitada de alegria em tudo, faça com que essa energia transforme sua expectativa em realidade.
A alegria é um sentimento nato!
A alegria provocada por acontecimentos momentâneos não é alegria, é somente um momento de descontração!

 
por: Aurea Oliveira (Um espirito em Evolução)

SURTOS DE LOUCURA





o ser humano esta tendo surtos de loucura,certas atitudes tomadas talvez não tenham volta,o melhor a fazer é rever alguns conceitos,não se deixar levar ao vento,fixar os pés no chão,buscar equilíbrio,buscar estar em sintonia com o bem.
Há situações que não podemos agir com o coração e sim com o raciocínio,pois a vida tem muitas armadilhas,e talvez elas possam nos levar ao fundo do poço,e um novo recomeço pode ser doloroso,sofrido,e será que estamos preparados para as consequências de certas atitudes tomadas sem pensar.
Repensemos nossas decisões,analisemos os prós e os contras,para que num futuro próximo não tenhamos que sentir na carne as consequências de um erro que com certeza poderia ter sido evitado.

moderação,ponderação,e aceitação!!!!!

por : aurea oliveira ( Um espírito em Evolução)

QUANDO NÃO SE TEM DIÁLOGO,NÃO SE TEM SOLUÇÕES!



o silencio nem sempre se faz necessário, é imprescindível fazer uso das palavras, trocar idéias,sentir-se aliviado,e ter a certeza da solução.
buscar equilíbrio e a palavra certa,no momento exato,pode transformar uma vida inteira de incertezas,dúvidas e exclamações.
Saber falar,não é ter o dicionário na ponta da língua,e sim um linguajar com o conteúdo necessário para naquele momento,naquela situação,abrir a mente daquele que ...busca a solução da dificuldade vivida.
Interagir consigo mesmo,conhecer a sí mesmo,traz conhecimento necessário,para passar a frente,aprendizados vividos nessa ou em outras vidas.
Façamos uso do diálogo amigo,troquemos experiências,busquemos aconselhar e ser aconselhados,para que possamos arrancar de dentro de nosso coração as mágoas,ressentimentos,decepções,etc... e possamos seguir em frente livres de palavras entaladas que num futuro próximo possam nos causar muitas dores.
fale,não tenha medo,pois ficamos felizes quando ouvimos as primeiras palavras de uma criança,que são sempre de carinho,e pela vida a fora se perdem no tempo.
não se cale,coloque pra fora,fale,expresse seus planos,seus objetivos.
dedique sua vida a você,para que o mais importante que é a felicidade tão buscada possa sair de dentro do casulo que é você mesmo.
persiga o seu objetivo de ser feliz,seja realmente feliz.
converse consigo mesmo,para poder encontrar a palavra certa no momento exato!
sem diálogo,não se encontra a solução!


por Aurea Oliveira (um espirito em evolução)